11 de novembro de 2014
LARIOS ON THE BEACH – MIAMI

 

image

 

Desde 1992, Glória e Emilio Estefan vem ganhando prêmios com a gastronomia cubana do Larios on the Beach. Não só pela comida, mas também pelo excelente Morito. Localizada no número 820 da movimentadíssima Ocean Drive, é uma ótima opção para conhecer um pouco mais da gastronomia cubana. O atendimento é muito bom e o serviço impecável. A comida é fantástica. Muito saborosa! Fique a vontade para escolher o que quiser no cardápio porque você não vai errar. Tudo muito leve sendo os pratos bem servidos. Mas não pule as entradas. Além de muito gostosas é muito bem apresentadas. Vão te permitir viver um pouco de Cuba. A cozinha é comandada pelo chef Odell Torres. Cubano que já comandava cozinhas em Cuba antes de imigrar para os Estados Unidos. Aliás, como todos na casa, também é muito simpático e acessível. Não faz cerimônia em dividir as suas receitas e segredos. Os drinks também são destaque por aqui. Não deixe de degustá-los. Para encerrar você não pode ficar sem experimentar o Arroz con Leche. É o nosso arroz doce por aqui, mas de um sabor sem igual. Ouso dizer que se trata do melhor arroz doce do mundo!!!

 

Entradas: Lula, Morito e Gostosuras de Cuba

Entradas: Lula, Morito e Gostosuras de Cuba

 

 

Arroz frito com frutos do mar

Arroz frito com frutos do mar

 

Arroz con Leche

Arroz con Leche

 




9 de novembro de 2014
BÂOLI – MIAMI

image

 

O francês Lê Bâoli da badalada cidade de Cannes decidiu por expandir o seu conceito e atravessou o oceano para montar uma casa em Miami Beach (1906 Collins Ave, Miami). Pessoas descoladas e requintadas frequentam este lounge, uma opção para late dinner, que possui um cardápio com comida mediterrâneo e oriental preparadas pelos chefs Federico Genovese & Christophe Breat. Mas esteja preparado para jantar em uma balada e não se esqueça de fazer a sua reserva. A casa é cheia de gente mesmo para aqueles que querem só ficar no bar. Orara quem quer viver Miami Beach esta é a opção certa.




9 de novembro de 2014
MEAT MARKET – MIAMI

 

image

 

Ótima opção de steakhouse em Miami Beach (915 Lincoln Rd). Cortes tradicionais de carnes muito bem preparados pelo Chef Sean Brasel com destaque para o Rib-eye. Os acompanhamento são outro destaque. Não são criativos, mas cheio de sabores. A casa oferece também sea food, inclusive tem como opção de entrada ostras com alguns molhos que harmonizam muito bem. O brûlée de avelã para encerrar a refeição é obrigatório, mas os sorvetes também são muito saborosos.

 

 

 

 




25 de junho de 2013
CAFFÉ MILANO – MIAMI BEACH

O Caffé Milano continua o mesmo. Localizado no coração de South Beach, harmoniza-se com o local pela alegria, simpatia do pessoal e também pelo bom serviço. Mas a grande verdade é que a maioria dos restaurantes alinhados na Ocean Drive são verdadeiros “pega turistas”. Procuram se destacar mais pela quantidade, que sempre chama a atenção de quem passa, do que pela qualidade da comida. O Caffé Milano possui algumas destas características inclusive pelo cardápio, mas o grande destaque deste Caffé vai muito além do cardápio. Em 2010, quando descobri o Caffé Milano, passei muito tempo por lá conversando com o pessoal da casa e isto me proporcionou conhecer alguns segredos do local. Uma deles é que o Chef possui alguns segredos que é revelado somente para alguns clientes mais freqüentadores da casa. O Chef italiano Maurizio Florio trouxe toda a sua experiência de Napoli que ainda influenciada pela cozinha Mediterrânea montou os pratos da casa. Mas não só isso. Montou também os seus segredos. O maior dele, na minha opinião, é o Ravioli de Lagosta. Desde que descobri este prato, não abro mão de degusta-lo sempre que passo por Miami. Conta o pessoal da casa que trata-se de uma receita da avó do Chef que ele guarda em segredo e serve para poucos. Na verdade, só mesmo para aqueles que conta com a simpatia dele ou ainda para aqueles que já conhecem o prato, pois que olha o cardápio não o encontra. Ele não está lá! O Ravioli possui uma massa bastante saborosa de cor laranja e recheado com carne de lagosta. É coberto com um molho de azafrão com camarões e ainda acompanhado por uma lagosta grelhada. É simplesmente divino. Maravilhoso! Imperdível! Embora não faça parte do cardápio, vale a pena passar por lá e batalhar por este prato. Uma experiência singular.
Desta uma vez, que foi hoje, harmonizei este maravilhoso prato com um Pinot Noir do Oregon. Um Rivet’s Edge 2009. É bastante comum encontrarmos Pinot Noir francês, mas não do Oregon. Na verdade, de muitas outras partes do mundo, mas quase nunca do Oregon, Ao menos para nós brasileiros, o Pinot Noir do Oregon é um vinho bem desconhecido. Especificamente, o vinho que eu degustei foi um vinho do Umpqua Valley, que fica ao Sul do Oregon. O vale leva este nome por conta do legendário rio Umpqua, que corre nesta região. O vinho é bastante complexo com aromas de de cereja e ainda animal. O couro é bastante presente que ainda possui toques de baunilha. Um vinho harmônico de grande intensidade no nariz e bastante longo na boca. O carvalho também deixa a sua marca neste vinho.