20 de abril de 2014
HUMBERTO CANALE GRAN RESERVA CABERNET FRANC 2008

myimage.jpeg

Intenso na cor, nos aromas e nos sabores, este vinho da Patagônia nos trás uma boa experiência. Aromas de frutas vermelhas escuras, especiarias e toques de baunilha. É bem encorpado, como era de se esperar de um 100% Cabenert Franc, mas apresenta ótima estrutura e equilíbrio. Também é bastante harmônico e possui final longo.
A Patagonia tem uma viticultura caracterizada por dias quentes, noites frias, solo de textura grossa e pedregosa e muito vento. A Patagônia é conhecida como a terra dos vinhedos dos ventos. E são estas características favoráveis combinada com o stress nas videiras provocado pelos ventos que bons vinhos frutados e intensos estão sendo produzidos. Este é um deles. No Brasil é importado pela Grand Cru e custa ao redor de R$130.




16 de fevereiro de 2014
DOMAINE D’EUGÉNIE CLOS DE VOUGEOT GRAND CRU 2008

image

Clos de Vougeot é um extenso vinhedo Grand Cru que corresponde a “appellation” da pequena cidade de Vougeot, que fica na sub-região de Cote de Nuit, na Borgonha. Embora não haja uma “appellation” Vougeot Grand Cru, há uma nomeação particular Clos de Vouget.
Este Pinot Noir puro possui aromas bem definidos de cereja, amora, groselha e violeta. Intenso nos aromas e incrivelmente persistente na boca, onde trás ainda mineralidade e toques apimentados. Um vinho complexo, bem balanceado e de taninos firmes. Ótima estrutura e de grande potencial de guarda. Este vinho é uma excelente experiência.




9 de fevereiro de 2014
QUINTA DA BACALHÔA 2007
Categorias: Portugal, Vinho, Wine

image

De cor vermelha intensa, trás aromas de frutos vermelhos escuros combinados com aromas de madeira e menta. Taninos presentes que mostram existir mais tempo de guarda. Boa estrutura e complexo.

Blend: 90% Cabernet Sauvignon e 10% Merlot




9 de fevereiro de 2014
AALTOS PS 2006

image

Este vinho de 94 ponto (The Wine Advocate) da Bodega y Vinedos Aalto é produzido pelo renomado Mariano Garcia, ex winemaker do Vega Sicilia. Tem um intenso bouquet de couro, amora e blueberry. Com toques de chocolate e tabaco. Muito complexo. Final longo de frutas vermelhas escuras com toques de tostado do carvalho. Encorpado, denso e harmônico. Estrutura e balanceamento impecáveis. Coloração bem escura, quase negro.
Não sou um grande admirador de vinhos de Ribeira del Duero, mas este vinho é simplesmente fantástico. Excelente! Um dos melhores que já tomei.




9 de fevereiro de 2014
DEGUSTAÇÃO COM BORBULHAS

image

DOM PERIGNON VINTAGE 2003
De grande personalidade. Embora não pertença a uma grande safra é potente e muuuuito elegante. Aromas e sabores leves e frutados é bem delicado na boca. Em 2003, foi produzida com mais Pinot Noit do que historicamente é feita e, como resultado, podemos sentir a sua boa estrutura e personalidade. Com 94 pontos do Robert Parker Jr., é um champagne clássico e degusta-lo sempre é uma oportunidade que vale a pena. Se não fosse pelo preço de quase R$700 seria degustado sempre.

DRAPPIER GRANDE SANDRÉE 2002
Muito elegante e muito bem estruturada. Apresenta notas florais, elementos cítricas e, destacadamente, aromas e sabores de brioche. Elaborado com 55% de Pinot Noir e 45% de Chardonnay é um champagne encorpado e bastante gastronômico. O destaque da noite! O seu preço de R$400 não é convidativo, mas vale o seu preço.

GRAND CRU CUVÉE PIERRE MONCUIT ROSE
Aroma de grapefruit com alguma mineralidade. Na boca é delicado e refinado. Produzido com 75% de Chardonnay. Ótimo champagne, mas não chegou a ser o destaque da noite. O seu preço também não é um destaque pelo que oferece. Uma garrafa desta vale quase R$300.

130 BRUT CASA VALDUGA
O premiado (medalha de ouro no Effervescents Du Monde) 130 Brut homenageia os 130 anos da chegada da família italiana no Brasil. Elaborado com uvas Chardonnay e Pinot Noir de safras especiais através do método champenoise. De coloração dourada, apresenta bouquet intenso de amêndoas e toques de tostado. Persistente e elegante. Ótima opção nacional de espumante com bom custo beneficio. A surpresa da noite. Custa em torno de R$70.

CHANDON RÉSERVE BRUT
Comum. Este é todo o meu comentário. Pelos R$60 que ele custa há melhores opções no mercado.